CTA Brás — Arte e inclusão social

A fim de proporcionar novas possibilidades de sonhar e retomar o olhar para o universo artístico, o Centro Temporário de Atendimento (CTA) Brás realizou oficina de arte com conviventes do espaço social.

Desde os primórdios da humanidade, a arte é vista/sentida como uma das principais vias de expressão dos sentimentos humanos; sejam felizes ou alegres, como também de angústia e tristeza. A arte está em toda parte, só precisamos estar conectados com a forma de enxergar o mundo — com mais calma e tranquilidade —, para perceber as cores, as formas, as luzes, etc.


Porém nem todas as pessoas participam da sociedade da mesma forma. Tratando-se do público em vulnerabilidade social é preciso compreender que nem sempre tiveram acesso a todo tipo de lazer e cultura. A lógica de produção capitalista não permite que todos tenham tempo, vontade ou se quer participem de forma aberta e/ou recebem os estímulos que a arte pode nos trazer.


A ação — desenvolvida no CTA — busca ensinar e aprender junto aos acolhidos, criar e reproduzir as variadas manifestações artísticas. E, com isso, fazer da arte uma ferramenta de inclusão social.


#CTABrás

#ApoioSP

#OficinadeArte

#InclusãoSocial

#ArteeCultura


Material produzido pelo Departamento de Comunicação da Apoio, com informações e fotos do CTA Brás

Jornalista responsável: Jane Tanan (MTb 0085720/SP)

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo